Maior goleada da história da Seleção Brasileira de Futsal


A Maior goleada da história da Seleção Brasileira de Futsal aconteceu em 13 de outubro de 2006. Em uma partida contra a equipe de futebol de salão do Timor Leste, o Brasil fez 76 a 0.

O confronto foi realizado em Macau, na China, pela penúltima rodada dos Jogos da Lusofonia, campeonato dedicado a países que possuem o Português como idioma oficial.

Com menos de dois minutos do início da partida, o placar já estava em 6 a 0. O Brasil obteve uma média de dois gols por minuto no primeiro tempo, fechando em 40 a 0. Na segunda etapa, a seleção brasileira fez outros 36 gols.

Dos 40 minutos disputados no jogo, em apenas dois deles os atletas deixaram de marcar gols: aos sete do primeiro tempo e aos dois do segundo.

A diferença exagerada tem explicação. O time do Brasil era formado por craques que atuavam no país e exterior. Já o Timor Leste possuía uma equipe de jogadores amadores, que praticavam o futsal por diversão e tiveram uma oportunidade de competir com seleções renomadas.

Apesar do placar, a equipe perdedora não efetuou faltas e nenhum jogador foi advertido com cartões. Desta forma, o jogo teve um clima amistoso do início ao fim. A Seleção Brasileira de Futsal disputou a final dos Jogos da Lusofonia de 2006 contra Portugal e se consagrou campeã.

Gols do jogo histórico
Brasil: Valdin (20 gols), Márcio (16), Dimas (13), Tostão (8), Wilde (5), Ari (5), Carlinhos (3), Marinho (3), Jonas (1) e Leco (1). Timor Leste: Romário (gol contra)

Recorde anterior
Antes de massacrar em quadra o Timor Leste, a maior goleada do Brasil era de 38 a 3 contra o Uruguai, pelo Campeonato Pan-Americano, no ano de 1991.

←  Anterior Proxima  → Página inicial