O FURACÃO SANDY



O furacão é uma tempestade que se forma sobre os oceanos de regiões tropicais.
Conhecido também como ciclone tropical, o furacão tem o formato de uma coluna que gira em torno do seu próprio eixo e pode provocar ventos de até 300 quilômetros por hora.
No seu centro, conhecido como o “olho do furacão”, a pressão é muito baixa, não há chuva e os ventos são mais fracos. Esse tipo de tempestade é chamada  de furacão quando se origina no Oceano Atlântico ou no nordeste do Oceano Pacífico e de tufão quando ocorre a partir do noroeste do Oceano Pacífico. O mesmo fenômeno é conhecido como ciclone quando se forma no Oceano Índico.
Quando ganha muita força, transforma-se em catástrofe natural, podendo destruir cidades inteiras. ele provoca chuvas torrenciais de grande intensidade num curto intervalo de tempo  e  pode durar semanas e percorrer milhares de quilômetros.
Os furacões são categorizados em escala de 01 a 05 de acordo com a força dos ventos denominada Escala de Furacões Saffir-Simpson.
No dia de hoje (29/10),O Centro Nacional de Furacões dos EUA, em seu boletim das 15h GMT (1h de Brasília), afirmou que a tempestade que pode ser a maior da história dos EUA, move-se a 30 km/h, considerada alta e possivelmente tocará o continente no sul da costa de Nova Jersey nesta tarde ou noite.
O furacão Sandy, uma tempestade gigantesca que ameaça a Costa Leste dos Estados Unidos, ganhou força nesta segunda-feira. Cerca de 50 milhões de pessoas a partir do Meio-Atlântico ao Canadá estão no caminho da tempestade, que os meteorologistas dizem que pode ser a maior de todos os tempos a atingir os EUA  continental. Espera-se que o furacão derrube árvores, danifique edifícios e cause quedas de energia generalizadas ao longo dos próximos dias.
←  Anterior Proxima  → Página inicial